< Voltar para notícias

Rally da Pecuária segue para o Mato Grosso; Juína-MT receberá evento

 

A Equipe 4 do Rally da Pecuária 2017, maior expedição técnica privada do Brasil, com foco na avaliação das condições da bovinocultura nas principais regiões produtoras, está no Mato Grosso. Na terça-feira, dia 6, os técnicos chegam a Alta Floresta, onde acontecerá o evento “Produtividade e eficiência: o que era diferencial agora é sobrevivência”, às 19h, no Zú Centro de Eventos. Depois, a equipe segue para Cotriguaçu e Juína e finalizam a etapa em Vilhena (RO).

As equipes retomam as atividades de campo após uma semana de baixa movimentação do mercado. “Estamos reavaliando o cenário da pecuária de corte e revendo projeções que divulgaremos posteriormente aos produtores, inclusive aos que participaram das duas primeiras etapas do Rally”, afirma Maurício Palma Nogueira, coordenador da expedição.

O Rally da Pecuária 2017 teve início em 08 de maio no Rio Grande do Sul, com a Equipe 1. Na sequência, a partir do dia 14, a Equipe 2 percorreu o Oeste e Norte do Paraná, o Oeste de São Paulo e chegou ao Triângulo Mineiro. Nesse percurso, os técnicos realizaram quatro eventos oficiais e seis oficinas de produtividade.

Logística e metodologia

O Rally acontecerá até 18 de agosto, levando a campo 7 equipes que percorrerão cerca de 70 mil quilômetros em 11 estados responsáveis por 86% da produção de carne e 82% do rebanho nacional – Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Tocantins, Pará, Rondônia e Acre.

Para coletar informações, as equipes utilizam levantamentos qualitativos pelo contato direto com produtores e lideranças regionais, e quantitativos, por meio de amostragem de pastos, índices zootécnicos, composição do rebanho, estimativa de confinamento, sistema de gestão e produção permitindo uma avaliação consistente das produções e realidades regionais.

 

Estratégia em campo

Nesta edição, serão realizados 12 eventos para produtores e profissionais do setor e 10 “oficinas da produtividade”. O Rally da Pecuária inovará no formato dos eventos e profissionais da Agroconsult e das empresas patrocinadoras irão interagir com o público presente, formado por produtores e técnicos do setor, para gerar debate sob o tema “Produtividade e eficiência: o que era diferencial agora é sobrevivência”. Estatísticas e análises dos dados levantados das últimas edições indicam tendências preocupantes para os players do mercado pecuário. Essas tendências, e as melhores alternativas para os produtores se anteciparem a elas, serão exploradas também ao longo dos eventos.

Outra novidade é a apresentação de análises econômicas que, pela primeira vez, serão exclusivamente elaboradas a partir dos dados do público entrevistado em anos anteriores. O grau de democratização das informações geradas pelo projeto será bem maior, com análises inéditas.

A expedição é organizada pela Agroconsult e  por Banco Santander, Boehringer Ingelheim Saúde Animal, Dow AgroSciences, DSM/Tortuga, Fertilizantes Heringer, JBS,Phibro Animal Health e Volkswagen, com apoio da ABIEC (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne), CNA (Confederação Nacional da Agricultura), Agrosatélite, FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e GTPS (Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável).

Fonte da Notícia
O Melhor da Notícia