< Voltar para notícias

Arroba do boi deve atingir o melhor preço em 2015

Neste ano, os pecuaristas estão recebendo mais pela arroba do boi do que em 2014. O coordenador de pecuária da Agroconsult, Maurício Palma Nogueira, explica que não teremos uma explosão de preços como no ano passado, mas que o mercado futuro apresenta uma tendência de alta.
Porém, os produtores precisam ficar atentos aos custos de produção. Nogueira ressalta que, provavelmente, a margem de lucro pode ficar menor devido a atual conjuntura internacional.  A valorização do dólar, que até o fechamento desta matéria aproximava-se de R$ 3,80, é um dos fatores determinantes nos gastos, que vão desde medicações até os impactos no alimento dos animais.

Mas o pecuarista deve seguir o bom trabalho que vem fazendo, sem ficar de braços cruzados. Uma forma de lidar com esse ajuste nos lucros é potencializar e otimizar o uso da propriedade. O sistema integração lavoura-pecuária é uma forma muito eficaz de aumentar a produtividade e a renda. O especialista destaca que se for possível, o produtor deve investir.

– É a única alternativa viável para que um produtor que compra bezerro e termina boi gordo continue com rentabilidade: integração ou aplicação de tecnologia a níveis superiores do que é usado normalmente – afirma Nogueira.

O Rally da Pecuária mediu a adoção do sistema integrado e concluiu que 30% dos agricultores já empregam a técnica, em 2015. Mesmo com esse crescimento, a iniciativa ainda é mais comum entre os pecuaristas que, durante muito tempo, utilizaram como uma solução. E nem todos trabalham com o cultivo de grãos: permanecem focados na criação de gado e estabelecem parcerias com outros agricultores.

Fonte da Notícia
Canal Rural